Nos últimos anos, o número de dados disponíveis para empresas analisarem atingiu um tamanho recorde, graças a smartphones e redes sociais. Esse tamanho não para de crescer e, para auxiliar companhias a identificar a melhor forma de estruturar serviços, o Big Data foi criado.

Quer saber mais sobre ele e como o Big Data é capaz de auxiliar a empresa a ter novos resultados? Confira o post abaixo!

O que é o Big Data?

O Big Data é uma tecnologia de análise de dados que ganhou destaque nos últimos anos. Com ela, empresas podem avaliar um grande número de informações rapidamente. Assim, é possível reduzir custos, melhorar o nível de inovação e criar serviços mais inteligentes.

Como essa tecnologia funciona?

As ferramentas de Big Data são pautadas por três princípios. Eles orientam os desenvolvedores a criarem soluções que sejam alinhadas ao perfil do mercado e possam criar real valor para os negócios que investem nessa tecnologia. Eles são:

  • o princípio do volume: toda ferramenta deve ser capaz de lidar com dados em grandes volumes (em geral, acima de algumas dezenas de gigabytes);
  • o princípio da variedade: o Big Data é capaz de analisar, em um único ambiente, dados estruturados e não estruturados. Aumenta-se, assim, potencial dos insights obtidos pelo analista;
  • o princípio da velocidade: uma solução de Big Data deve ser capaz de analisar informações rapidamente, sobretudo quando elas são geradas em tempo real e em grande volume.

Quais os benefícios que o negócio tem ao investir em ferramentas de análise de dados?

O Big Data pode ter um forte impacto no ambiente corporativo. Confira abaixo alguns dos benefícios que o negócio possui ao investir em ferramentas de análise de dados!

Mais economia de recursos

Diminuir desperdícios é algo que toda companhia busca. Nesse cenário, se a empresa se apoia na análise de dados, fica muito mais fácil para o gestor identificar pontos com excesso de gastos e realizar melhorias.

Uma companhia com uma grande frota de caminhões, por exemplo, pode cruzar informações sobre todos os gastos realizados na manutenção de veículos para identificar a distribuição de recursos. Por meio desses registros, correções em pontos com alto índice de problemas serão executadas, e o fluxo operacional, remodelado para gerar melhores resultados.

Redução de riscos

Riscos operacionais são um grande problema para qualquer empresa. Mas quando o negócio está apoiado no Big Data, fica mais fácil para o gestor identificar as vulnerabilidades da companhia e, com isso, criar processos de prevenção mais inteligentes.

Em um ambiente corporativo que possui a Internet das Coisas apoiando rotinas, por exemplo, os dados de todos os setores poderão ser utilizados para avaliar o modo como a infraestrutura se comporta. Assim, o gestor consegue visualizar ameaças e pontos de atenção de modo abrangente.

Possibilidade de otimizar o seu posicionamento de mercado

A análise de dados é crucial para conhecer o público-alvo da empresa. Ao saber de que forma o perfil do consumidor está estruturado, bem como as suas demandas e tendências, a companhia consegue melhorar as suas campanhas, estruturar serviços mais atraentes e otimizar os processos internos.

O Big Data, nesse cenário, é fundamental. Ele permite que a companhia cruze diferentes tipos de informações para identificar com alto nível de precisão o perfil de seus consumidores e, assim, garantir que todos os seus processos sejam voltados para o que o mercado demanda. Consequentemente, a empresa será mais competitiva e inteligente.

O mercado atual exige que empresas tenham uma alta capacidade de entregar resultados a clientes em prazos curtos. Para atingir esse objetivo, companhias devem investir em novas estratégias, que reduzem custos, melhoram o fluxo de trabalho e conseguem colocar a companhia com foco nas demandas de clientes.

Esse objetivo pode ser atingido facilmente com o investimento no Big Data. Ao mudar a estrutura do negócio para uma pautada na análise de dados, gestores conseguem reduzir custos, melhorar o fluxo operacional e ampliar o nível de inovação dos serviços internos. Tudo a partir do uso da informação como um fator estratégico para eliminar problemas e melhorar rotinas.

Como você utilizaria o Big Data no seu negócio? Compartilhe aqui nos comentários!

Author thinkdigital

More posts by thinkdigital

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.